quarta-feira, julho 01, 2009

L â m i n a s

o Amor pára e o rio leva

o Amor data e o Rio nega

o Amor peca e o Rio, o rio pega

o Amor vaza e o Rio fela

o Amor vaga... baba, mela e o Rio veda

o Amor Meca e o Rio reza...

o Amor pesa e o Rio seda

o Amor e o Rio, anti-sala, outro cala, uma causa depõe, gela

o Amor saca e o Rio vela

o Amor nada e... o Rio rega, o Rio

o Amor vala e o Rio vera

o Amor veta e o Rio lava

o Amor paga e, o Rio sela

o amor!.. cava, cata, rala, saca, laça, fala... sara e o Rio, frio... seca!




Lâminas

erhi Araújo

2 comentários:

GRAÇA GRAÚNA disse...

Erhi, poetamigo: gosto das águas do seu versejar. Grata pela chegança em meu Blog. Paz em Ñanderu, Grauninha

Doroni Hilgenberg disse...

Ehri,

O amor é como um rio a desaguar
dentro de nós, quando um acaba outro seca.
bjs